Dono de casa de prostituição é preso após anunciar mulher como prêmio de rifa de R$ 30 no interior do RN

Dono de casa de prostituição é preso após anunciar mulher como prêmio de rifa de R$ 30 no interior do RN

Caso aconteceu nesta quarta-feira (1) em Riacho da Cruz, no Alto Oeste potiguar.

Um homem de 63 anos apontado como responsável por uma casa de prostituição foi preso em flagrante pela Polícia Civil após anunciar uma mulher como prêmio de uma rifa, que seria realizada no próximo sábado (4).

O caso aconteceu nesta quarta-feira (1) em Riacho da Cruz, no Alto Oeste potiguar. Segundo a Polícia Civil, o estabelecimento foi fechado.

A investigação foi conduzida pela Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher (Deam) da cidade de Pau dos Ferros.

“A cartela é R$ 30, com direito à mulher que for sorteada. Quem ganhar, ganha a mulher, direito a três ‘pegadas’ e uma grade de cerveja. Tudo isso por 30 conto. Três ‘pegadas’, a mulher, o dia todinho, até a hora de fechar. Ela fica só com ele”, afirma o homem em um vídeo que circulou nas redes sociais.

Segundo o delegado Carlos Fonseca, a Polícia Civil recebeu uma denúncia de suposto crime de favorecimento à exploração sexual em um bar de Riacho da Cruz. No entanto, ao chegar ao local, constatou que o local na verdade era uma casa de prostituição.

Segundo a polícia, embora a prostituição não seja crime, manter uma casa para explorar a prostituição alheia é proibido por lei.

“A gente se deslocou ao local para averiguar a situação. Chegando lá, a gente constatou que tratava-se, na verdade, de uma casa de prostituição, onde garotas eram exploradas sexualmente. Prontamente, o dono do estabelecimento foi preso, as vítimas foram ouvidas e liberadas e o autuado foi conduzido até o presídio de Apodi, onde vai ficar à disposição da Justiça para responder pelo crime de manter casa de prostituição”, afirmou o delegado.

G1 R/N

admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *