PGR denuncia Sérgio Moro por crime de calúnia contra Gilmar Mendes

PGR denuncia Sérgio Moro por crime de calúnia contra Gilmar Mendes

Moro teria insinuado que compraria um habeas corpus do ministro do STF

A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou o ex-ministro da justiça de Bolsonaro e atual senador Sérgio Moro (União Brasil-PR) por crime de calúnia contra o ministro do STF Gilmar Mendes.

Em vídeo que circulou nas redes sociais no último fim de semana, Moro conversa com pessoas não identificadas e insinua que compraria um habeas corpus de Gilmar Mendes.

Segundo o Ministério Público, Moro atribuiu falsamente a prática de crime de corrupção passiva a Gilmar Mendes, com a intenção de macular a imagem e a honra do magistrado e tirar a credibilidade da mais alta corte do país.

A ação é assinada pela vice-procuradora geral da República, Lindôra Araujo, e pede a instauração de uma ação penal e condenação de Sergio Moro pelo STF.

A denúncia foi motivada por uma representação feita pelo advogado de Mendes, após o vídeo com a fala de Moro circular na imprensa e nas redes socais.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de Moro e ainda aguardamos retorno.

Edição: Roberto Marques / Pedro Lacerda – Agencia Brasil – Foto : Marcelo Camargo

admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *